segunda-feira, 29 de junho de 2009

FAIXA DE SEGURANÇA


Eu estava em cima da faixa de segurança
quando a escolha errada que eu fiz
veio bêbada em seu carro desgovernado
e me atropelou...

Agora estou aqui sem analista,
sem fisioterapeuta,
sem seguro de vida e nem contra acidentes;
e até quando vou usar o plano de saúde...
minha doença já era pré-existente...

Então não tem para onde eu me virar;
nem quem eu abraçar...

17 comentários:

  1. Ai! essas escolhas bêbadas que fazemos
    Ficamos então assim, sem analista, sem psiquiatra, ficamos com os ossos todos fora do lugar, sem fisio...


    Adoro teus comentários, sempre cheio de risos.

    Um beijo Lilás em tua Segurança!

    ResponderExcluir
  2. E não há braços que te socorram enquanto a bêbada foi se curar em outro lugar :(
    Triste realidade.

    lindo dia
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Quem caminha sobre a faixa de segurança... não fez escolha... hesita ainda. Deixe a faixa de segurança, e tome acção. A distância de um abraço mede-se pelos passos que se dão... não pelos passos que se esperam. O Caminho dos Plátanos tem sempe uma época frondosa de sombras frescas. Até lá... siga caminhando em direcção ao sol, ao vento, à chuva, às intempéries da vida que lhe lembram como é estar vivo.

    Obrigada pela simpatia em Ler

    Adorei lê-lo aqui... admiro como explora esta vertente do "desconcerto do mundo". Beijo

    ResponderExcluir
  4. Daniel,
    Suas palavras foram tão gentis... E ao retribuir a visita encontrei sentimentos muito familiares.
    Parece estranho isso. Ou será que esses sentimentos são mais comuns do que se pensa?
    Seus versos me encantaram. Não tive tempo de ler todos, mas gostei do "Noite de sono", o qual destaquei alguns trechos:

    "E o que dói amanhece menos doído
    quando se vai dormir chorando
    e em meio à noite se tem sonhos bons!"

    "Como se a luz do sol clareasse saídas
    onde na hora do desespero só existissem abismos!"

    Um grande abraço e obrigada pela atenção.

    Liene

    ResponderExcluir
  5. Retribuindo a visita...
    Vim agradecer as palavras de carinho no meu blog.
    E confesso que adorei este lugar!
    Muito bonitas tuas escritas...
    Quanto ao poema, na faixa de segurança estavas tudo certo... mas mesmo assim aparecem coisas na vida que nos fazem errar... Mas os erros são necessários...
    Este poema me induz a pensar... Me deixa com a mente a mil...
    Gostei do teu espaço e do modo de como escreves!
    Parabéns!
    Obg mais uma vez pela visita.
    Até +++++++

    ResponderExcluir
  6. Oi Daniel...
    agradeço a visita e palavras deixadas!
    Aproveito a oportunidade para lhe dizer que concordo plenamente contigo...Quando gostamos de alguém nossas palavras acabam se tornando repetitivas, as rimas da mesma forma pois o sentimento que move quem as escreve é o amor.

    Agora comentando suas palavras aqui... compreendo bem esses caminhos que nos desestruturam as bases...Fazem parte do constante aprendizado!

    Um abraço carinhoso

    ResponderExcluir
  7. Oi Daniel, puxa vida, reconheço um bom blog pelo comentário recebido...rsrs
    Obrigado pelas palavras lá no Verseiro...já estive aqui e se não me engano você jáesteve por lá uma outra vez, vamos nos sumir não, me identifiquei com sua forma de escrever já pela segunda vez, pois seu texto me fez lembrar de um outro meu que fala sobre um aciente parecido...rsrs
    Um abraço na alma...e parabéns pela forma como escreve, significa e transforma os sentimentos em palavras.

    ResponderExcluir
  8. Daniel, bom dia!

    Estou no trabalho, e li seu comentário, vim conhecer seu blog. Dei uma passeada e vi que tem muito a ser lido, muita coisa boa.

    Gosto quando chegam no meu blog, interagindo, comentando, se colocando. Acho fascinante, fantástico.

    E voltarei para ler o seu com calma, do jeito que gosto. A imagem e o nome dele é bonito, agradável.

    Obrigada por aparecer no meu cantinho, e fazer meu dia começar diferente.

    ResponderExcluir
  9. Quero voltar......ler.....mas sobretudo sentir.
    Fiquei agradecida pela visita...Muito
    que essa gratidão se transforme em energia de bem querer e lhe aqueça neste abraço que diz não ter.

    afagos

    Volto!

    Denise

    ResponderExcluir
  10. Daniel, estou bem cansadinha, o dia foi bem puxado, mas como prometido voltei. Fui lá no início do blog, li bastante, não deu para ler o blog todo.


    Não dá para ler todo assim de uma vez, não pelo cansaço, mas pela essência do que está escrito. Enquanto lia pensei, se expremer o blog é ele. (não sei se estou enganada), e também me identifiquei com alguns pensamentos, alguns questionamentos e mexe com os sentimentos.

    Poemas bem escritos, com emoção. Gostei muito.

    bjs

    ResponderExcluir
  11. Os erros fazem parte da vida. É, mais as escolhas erradas que faz sou eu, que as vezes estou fora de mim, bêbado , tragado pelas drogas de conceitos e valores que eu defino como o certo, enquanto o que é certo eu não sigo, penso e faço. É somos seres ainda ignorantes, precisamos aprender muito... Show de bola o seu poema meu querido.

    ResponderExcluir
  12. Daniel,
    vim agradecer a visita e encontro esta maravilha de blog, recheado de textos inteligentes e belos.
    Amei seu espaço e voltarei mais vezes se assim me permitir...bjs.

    ResponderExcluir
  13. Por isso é sempre bom ter a conciencia que para todo ato existem conseguencias, algumas leves, outras pesadas, cabe a nós escolher qual delas queremos.

    As vezes achamos que somos invisíveis, transparentes, mas para algumas pessoas jamais seremos isso, agora quando estamos na multidão e nos sentimos so, devemos analisar o que está acontecendo ao nosso redor, se estamos indo pelo caminho no qual sonhamos e desejamos, e se as pessoas que estão em nossa volta são realmente aquelas que vão estar sempre acrescentando algo bom para nós.

    Abraços e Obrigada pela Visita, Volte Sempre:)

    ResponderExcluir
  14. Olá meu novo amigo Daniel.
    Conhecer seu blog, foi muito bom
    Seus comentários e textos tem muito sentido de vida.
    Viva sempre em direção ao sol, esse novo amanhecer.
    Abraços e fique na paz.
    Aguardo sua visita ao meu cantinho.
    Regina Coeli.

    ResponderExcluir
  15. Obrigada pelo comentário em meu blog de Selos...e também no Simplesmente Amor!

    Eu já comentei nessa postagem... e foi ótimo reler!

    Um abraço carinhoso e um ótimo Fim de semana para você!

    ResponderExcluir
  16. É quando a gente pensa que está em segunrança, que pouco depois, a gente percebe que não estava seguro.

    A precisar de abraços, estou aqui.

    Obrigada pelo comentario, volte sempre.

    ResponderExcluir
  17. Estou um momento bem assim....
    Vc sabe onde é o hospital mais próximo?

    beijocas doces

    ResponderExcluir

Adorei a sua companhia no caminho dos plátanos. Volte quando quiser!