quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

EFEMERIDADES

de um dia pro outro
um sonho grande
pode virar
muito maior frustração

a direção do vento
pode mudar;
antes aparente segurança
depois sumária demissão

dentro de mim
um bebê chora
uma guria cora
um distinto senhor
uma hora;
no outro dia
um reles cara!

chuvas copiosas precedem
longos períodos de espera
longa estiagem

sete anos de seca
que sou capaz de pressentir
em que será preciso
muita coragem

e muita bagagem

você não entende?
então experimente sentir!

mais quatro linhas

para parar de ler
e descobrir meu mundo

de onde eu vim
agora que não sei aonde vou

16 comentários:

  1. Muito lindo! Aproveito pra desejar um maravilhoso 2011! abraços,chica

    ResponderExcluir
  2. E o vento da vida nos leva, por entre chuvas e secas, vamos então seguindo!
    Muito bom meu amigo
    Um ano novo mágico e abençoado para ti e os seus!
    Um abraço
    Ju

    ResponderExcluir
  3. ...Dani querido,


    "O laço que une a sua
    família verdadeira não
    é de sangue, mas de
    respeito e alegria
    pela vida um do outro.

    Raramente os membros de
    uma família se criam
    sob o mesmo teto."

    Richard Bach [Ilusões]


    ...eu penso que na blogosfera
    também é assim, um lugar onde
    fazemos tantos amigos/irmãos,
    atraídos pelas afinidades de
    alma.

    e é em nome dessa afinidade
    que eu estou aqui desejando à
    você que sempre esteve comigo,
    um felicíssimo 2011, ano em que
    se Deus quiser, também estaremos
    juntos nos caminhos do amor!

    bjbj

    ResponderExcluir
  4. Dani.... a Viiiii fez um lindo post e fala com carinho da gente (http://dictum-et-factum.blogspot.com/2010/12/desculpem.html), ela tem razão.... o ue vc escreve é muito FANTASTICO!!! Vc já está comigo no Blogzoom!

    Feliz Ano Novo! Feliz 2011!

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Hum... Isso as vezes nos acontece com mais frequencia do que gostaríamos. Mas sempre podemos buscar novas manerias de enxergar uma situação. Assim ao invés de focar no "não sei aonde vou", eu buscaria os pontos positivos que essa situação pode causar, os novos aprendizados, as novas experiências, tudo com a finalidade de fazer (nos) crescer.
    Daniel, parabéns pelo blog e em 2011 espero te ler bastante ainda e desde já te desejo um ano novo abençoado!
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá feliz 2011! Parabéns pelo vosso blog!
    Quero hoje que você possa conhecer o trabalho feito no Folhetim Cultural que é o blog pelo qual sou responsável este abaixo é o endereço:
    informativofolhetimcultural.blogspot.com
    amanhã sábado 1º dia do ano, iremos voltar com publicações.
    Ás 9 horas da manhã minha coluna poética
    Às 13 horas O Poeta entrevista quadro de entrevista
    e ás 17 horas Chá das 5 onde um poeta colaborador escreve uma coluna poética. Ao longo da semana atualizações são feitas com noticiário cultural, espero que possa contar com seu apoio nessa empreitada e que possa opinar sobre o nosso trabalho agradeço a atenção lhe desejo um ano super!

    Magno Oliveira
    Folhetim Cultural

    ResponderExcluir
  7. Olá feliz 2011! Parabéns pelo vosso blog!
    Quero hoje que você possa conhecer o trabalho feito no Folhetim Cultural que é o blog pelo qual sou responsável este abaixo é o endereço:
    informativofolhetimcultural.blogspot.com
    amanhã sábado 1º dia do ano, iremos voltar com publicações.
    Ás 9 horas da manhã minha coluna poética
    Às 13 horas O Poeta entrevista quadro de entrevista
    e ás 17 horas Chá das 5 onde um poeta colaborador escreve uma coluna poética. Ao longo da semana atualizações são feitas com noticiário cultural, espero que possa contar com seu apoio nessa empreitada e que possa opinar sobre o nosso trabalho agradeço a atenção lhe desejo um ano super!

    Magno Oliveira
    Folhetim Cultural

    ResponderExcluir
  8. Que lindo poema.

    Obrigada por esse momento!!

    ResponderExcluir
  9. Nunca sabemos para onde vamos porque a vida nos troca tantas vezes as voltas. Um bom poema Daniel. Gostei.
    Um beijo e um Bom Ano.

    ResponderExcluir
  10. Daniel, ainda bem que voce desviou o olhar daqueles másculos ( ?! ) bombeiros... porque eu desejo que vc me visite mais vezes, não queria que ficasse com ciumes! Um pode vencer um pelotão!!!!

    A minha gatinha Lola é sempre doce mesmo, falo muito sobre ela e agora sobre Pig Will. Ontem, ele, me deixou novamente colocar a mão nele! É uma sensação engraçada...

    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Angustiante...muito forte...dá vontade de virar no avesso só de ler!!

    Muito bom!

    []s

    ResponderExcluir
  12. Daniel, meu amigo!

    Há muitas coisas em nossas vidas que duram apenas por um breve momento,mas podem ser muito fortes e marcantes - pois como dizes: "experimente sentir". Haja mala para tanta bagagem!

    Desejo um 2011 cheinho de descobertas e bagagens. Beijo

    ResponderExcluir
  13. Olá Daniel!
    Que bom retornar ao blog e as postagens...

    Chego aqui e leio esse poema...
    Parece a gestação e as fortes dores de um parto. Que traz a luz um novo dia...um novo ser!

    Espero que esse novo ano seja ainda melhor para todos nós, que 2011 seja um ano de sucesso para você!

    Beijos com o meu carinho

    ResponderExcluir
  14. Antes de entender, tem que sentir...

    Daniel..Quanto tempo sem vir aki ler tuas lindas palavras... Sempre tão irreverente!..

    Beijo amigo!...

    ResponderExcluir
  15. vc não perdeu o rumo
    do poema,
    já é um bom começo!
    bjs

    ResponderExcluir
  16. Daniel,

    Lendo esse poema me lembrei da música que diz que "o futuro é uma astronave que devemos pilotar".

    Queria lhe lembrar que vc é um bom piloto e tem a melhor bússola do mundo! Nunca se esqueça disso.

    Um beijo enorme.

    ResponderExcluir

Adorei a sua companhia no caminho dos plátanos. Volte quando quiser!