quinta-feira, 9 de julho de 2009

DÚVIDAS

As listras brancas

da faixa de segurança

no asfalto negro?

Ou as listras negras

do código de barras

na etiqueta branca?

 

O que é melhor? 

Sair da loja

numa colônia Galbe?

Ou atravessar a rua

sem levar uma multa?

 

A morena?

A loira?

A indefinida?

 

Em Porto Alegre

amar o Inter......

nacional?

ou o tradicional

rival?

 

Dúvidas obviamente!

E independente delas,

em um ano,

estaremos um ano

mais velhos...

 

Entrando em lojas,

atravessando ruas,

lendo bulas,

escolhendo embalagens,

pagando multas,

amando o time,

no estádio,

ou pelo radinho...

 

Ao lado da loira,

ou com uma morena,

ou com a indefinida;

ou tomando chimarrão sozinho!

14 comentários:

  1. haha.. muito legal esse texto!
    Mto criativo, amei demais!

    Parabéns pelo blog, genial!

    =)

    ResponderExcluir
  2. Decidi visitar este teu blogue cujo nome é quase homólogo do meu! Que coincidência engraçada :)
    Li diversos posts e deparei-me com versos interessantes e originais, sempre com uma mensagem como pano de fundo, um significado.
    Continua a escrever, eu continuarei a passar por entre os plátanos deste caminho, eheh.

    ResponderExcluir
  3. Um poema bem diferente, dúvida sempre teremos, indefinições também. E pasando um ano estaremos mais velhos também.

    Empresto o gloss...e deixo um sorriso. abraços

    ResponderExcluir
  4. Bah! Lindo!

    Chimarreie ao lado de uma Morena com cabelos negros, sorriso suave e que não torce pra time nenhum, ou so pra ficar emociante, torce contra o time do amado.
    rsssss...Beijos Linda Criatura.

    ResponderExcluir
  5. Em um ano estaremos um ano mais velhos, talvez não estejamos mais aqui... O amanhã é dúvida, incerteza, surpresa.
    Então, viva o momento presente. Viva o aqui, agora!

    ResponderExcluir
  6. Duvidas que viram poesia na voz do poeta em duvida...por via das duvidas tome chimarrão sozinho ;)

    lindo dia
    beijos

    ResponderExcluir
  7. Tem presente pra vc lah!

    Bjus!

    Vc merece!

    ResponderExcluir
  8. A indefinição
    dos passos
    na busca de caminhos de nós.


    Obrigada!

    ResponderExcluir
  9. A loira...a morena ou a indefinida...Não importa!!!... O importante é um gaúcho não tomar seu chimarrão sozinho!...
    Parabéns pelo poema?
    Inter ou Grêmio?...rsrs

    Beijo e bom final de semana!

    ResponderExcluir
  10. Pelo que vejo, Daniel, suas dúvidas são maiores que as minhas. Somos humanos...
    Belo texto.

    ResponderExcluir
  11. Marcas, sinais, signos... Certeza de pormos as mãos ou os pés, a vida, a palavra, a poesia...
    Nenhuma certeza deveríamos ter mesmo em meio às faixas e códigos de segurança. Estamos seguros?
    Tenho dúvidas disto.

    Abraços, querido.
    Grata por tuas palavras no 'inspirar'.

    ResponderExcluir
  12. Dúvidas e mais dúvidas...e assim vamos seguindo, pois a vida é assim...um caminho duvidoso!
    Um grande beijo e ótimo Domingo meu querido!
    Adorei teu blog e voltarei!Bjs.

    ResponderExcluir
  13. Só não podemos permitir que a vida se torne um jogo de "gosto duvidoso".
    Do autor

    ResponderExcluir

Adorei a sua companhia no caminho dos plátanos. Volte quando quiser!